Arquidiocese de Manaus

Igreja recorda Dia Mundial do Migrante e Refugiado no próximo domingo

O Papa Francisco lançou um vídeo para chamar a atenção para a situação de pessoas, migrantes e refugiadas de todo o mundo. O vídeo faz parte das ações para 106º Dia Mundial do Migrante e do Refugiado (DMMR), a ser celebrado mundialmente no próximo dia 27 de setembro.

“Forçados como Jesus Cristo a partir” é o tema da edição deste ano. São cerca de 50,8 milhões que deslocam do seu país em busca de uma vida melhor.

Entre as obras já realizadas pela pastoral do migrante em Manaus, estão: duas casas de acolhida alugadas, uma no bairro Santo Antônio, maioria venezuelana, e outra no bairro do Zumbi, com a maioria de haitianos; a construção de uma creche na área da quadra da paróquia, atualmente com crianças dos seis meses aos quatro anos, todas filhas de migrantes; além da fábrica de picolé instalada nas dependências do salão paroquial, fundada em 2014, com uma produção média de 2 mil picolés “da massa” por dia.

A coordenadora arquidiocesana Irmã Dinair Xavier destaca o atendimento da pastoral durante a pandemia, onde atenderam mais de 4.500 famílias.

Na coletiva de apresentação de sua mensagem deste ano, o Santo Padre afirmou que a paz é a única solução para deter o deslocamento forçado de pessoas. Com a terceira mensagem que trata do deslocamento interno, o Papa Francisco  vem chamando a atenção ao drama vividos por cerca de  50,8 milhões de deslocados no próprio país, que fogem das guerras civis ou desastres naturais. Cenário agravado com a pandemia do novo Coronavírus.

Irmã Dinair ressalta que mesmo com as fronteiras fechadas, existem famílias que pagam caro e conseguem chegar ao Brasil.

O vídeo feito pelo Papa Francisco está disponível no site vaticannews.va.

 

Ouça a matéria completa:

 

 

Rafaella Moura – Rádio Rio Mar 



Por: Rafaella Moura



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *