Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

A.M. Sagrada Família acolhe o missionário padre Bruno como seu novo pároco em missa presidida pelo arcebispo

Durante celebração eucarística ocorrida na noite do dia 4 de janeiro de 2018, o Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, deu posse ao novo pároco da Área Missionária Sagrada Família, localizada no bairro Japiim II, Setor Santa Rita de Cássia da Arquidiocese de Manaus. Padre Bruno Bachi, pertence à Diocese de Alagoinhas, na Bahia, e veio em missão para Manaus através de um projeto missionário.

Antes de assumir a área, pe. Bruno esteve por seis meses na Paróquia São João Batista, no município de Iranduba, para conhecer e se ambientar à Região Norte e chegou à área em dezembro de 2017 para conhecer a dinâmica das comunidades que pertencem à Área Missionária Sagrada Família, que já o acolheram com grande carinho e compareceram à solenidade de posse lotando a igreja.

Durante a homilia, Dom Sergio ressaltou a importância de uma paróquia, pois ela precisa ser a casa da Palavra, da Eucaristia e da Caridade, e o pároco é o responsável por promover tudo isso na comunidade de fiéis que lhe foi confiada.

Ao final da homilia, dom Sergio realizou o rito de posse com a vestimenta da casula do sacerdote e entregou-lhe as chaves do sacrário da Igreja e o Livro das Leituras, a fim de que ele seja o guardião da Eucaristia e seja o homem que prega a Palavra de Deus nesta Igreja.

Padre Bruno Bachi, é nascido em Florianópolis – Santa Catarina, e incardinado na Diocese de Alagoinhas, na Bahia, que é muito agraciada por ter muitos padres e por isso, muitos saem para missão, contribuindo em diferentes regiões do Brasil.

Ele é padre há 22 anos e já passou por outras regiões brasileiras em missão, mas agora escolheu a Amazônia para esta experiência missionária.  Conheceu a Área Missionária Sagrada Família, durante a semana santa de 2017, depois, em junho, foi fazer uma experiência na Paróquia São João Batista, em Iranduba, e agora foi convidado a assumir esta área missionária.  Ele afirma estar cheio de expectativas, mas também com o coração de alegria por poder servir a Arquidiocese de Manaus na Área Missionária Sagrada Família do Japiim, e esse povo de Deus. Inicialmente quer observar, conhecer a todos e também contribuir com o legado bonito que o padre Danival Lopes deixou.

 

 



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar