Procissão do Senhor Morto reafirma a misericórdia de Deus pelos seus filhos

Fé, reverência, gratidão e devoção marcaram a procissão do Senhor Morto, ocorrida na tarde do dia 29 de março, após a celebração da Paixão de Cristo, realizada no Santuário Nossa Senhora de Fátima. Mais de 5 mil fiéis caminharam em cortejo junto ao Senhor Morto, rezando e suplicando a misericórdia de Deus para seu povo, em momento conduzido pelo pároco/reitor Pe. Helton Wachholz e a equipe de liturgia do santuário.

A procissão contou com a presença do Cardeal Leonardo Ulrich Steiner e Pe. Flávio Gomes, pároco da Catedral, acompanhados dos coroinhas, agentes de pastoral, e os fiéis em geral.  O trajeto durou cerca de 50 minutos e percorreu a Av. Tarumã, Rua Visconde de Porto Alegre e a Av. Sete de Setembro, até a Catedral Metropolitana de Manaus.

Durante a condução das orações, Pe. Helton pedia aos presentes que vivenciassem esse momento de caminhada com Jesus, que morto, era levado ao seu sepulcro. Este foi um momento de vivenciar o que Maria e os discípulos experimentaram, com espírito reverente, a despedida e a esperança na promessa de que Jesus ressuscitaria no terceiro dia e daria a salvação a toda humanidade.

“Nós acabamos de celebrar a paixão do Senhor e no do Evangelho nós vimos todos os momentos em que Cristo nos amou até o fim. Cada palavra que nos dirige, cada olhar, cada toque foi para que compreendêssemos o seu mistério de amor. Por isso, caminhamos com Cristo e queremos colocar nossa oração, para que o Senhor Deus possa conduzir nosso coração na oração e na compreensão do seu mistério de amor. Peça para que você consiga, em cada mistério, unir-se a este Jesus que se entregou por cada um de nós”, conduzia Pe. Helton.

Na chegada à Catedral, a imagem do Senhor Morto adentrou a Igreja e foi colocada no altar. O cardeal explicou como se seguiria o momento de devocional em que os cristãos puderam reverenciar respeitosamente o corpo de Jesus, um ato em memória e de profunda gratidão.  

Gostou? Compartilhe

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram

Comentários