Arquidiocese de Manaus

Atendentes paroquiais participam de formação sobre suas atribuições em um processo matrimonial

Na manhã do dia 31 de março, aconteceu no Auditório Mãe Paula, da Cúria Arquidiocesana, o encontro de Formação para Atendentes Paroquiais da Arquidiocese de Manaus sobre o Sacramento do Matrimônio e as atribuições no processo matrimonial.

Após um farto café da manhã partilhado, padre Flávio Gomes, Chanceler da Cúria Arquidiocesana, iniciou a explanação destacando conceitos e propriedades essenciais para ocorrer o matrimônio, como o cuidado para identificar os casos de não cumprimento dos requisitos para o casamento religioso, principalmente os que  já são casados na igreja e querem casar novamente, e por isso a importância dos proclames. Também enfatizou que é da secretaria paroquial a função de notificar a igreja em que os noivos foram batizados quando ocorre o matrimônio. O padre também tirou muitas dúvidas de ordem prática.

Em seguida, a Secretária da Paróquia Cristo Rei, do setor São José Leste – Região Episcopal Nossa Senhora dos Navegantes, Irlane Queiroz, fez uma exposição prática sobre os tramites que competem à (ao) secretária (o), no que se refere ao preenchimento da ficha de habilitação, livro e certidão de casamento. Também explicou como e quando se faz dispensa de efeito civil, transferência da paróquia de origem dos noivos (quando desejam casar em uma igreja distante do local em que reside). Ressaltou aos presentes que é preciso seguir as orientações, mesmo que pareçam muito burocráticas, mas são necessárias e isso deve ser explicado aos noivos, pois isso garantirá a validade do sacramento que irão receber.

Foi levantada a questão da exigência do batistério para fins matrimoniais, pois este garante que os nubentes foram batizados e estão aptos a contrair o matrimônio, e que o sacramento da Eucaristia e Crisma não são obrigatórios, mas é necessário conversar para que eles percebam a importância e aceitem fazer catequese para receber estes dois sacramentos muito importantes para a vida do cristão.



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *