Arquidiocese de Manaus

COMIDI realiza assembleia avaliativa das atividades do biênio 2020/2021

Aconteceu no último sábado (11/12), no Centro de Animação Missionária – PIME, localizado à Rua Fortaleza, 485 – Adrianópolis, Manaus/AM a Assembleia Avaliativa do Conselho Missionário Diocesano – COMIDI, que teve como objetivo celebrar com gratidão a caminhada missionária do COMIDI como articulação dos organismos, COMIPAs, RECOMIS, COMISE, IAM, JM, e demais colaboradores missionários; Discernir os novos caminhos para o COMIDI em comunhão com a Assembleia Sinodal Arquidiocesana, o Programa Missionário Nacional, o Congresso Americano Missionário (CAM6) e Diretrizes da Ação Evangelizadora do Regional Norte 1 (2022-2024).

Seguindo as determinações da V. Rev. Dom Leonardo Steiner, Arcebispo de Manaus, foi prorrogado os serviços da Equipe de Coordenação do COMIDI até o próximo ano, contudo o desejo ainda é que a Igreja se coloque sempre mais próxima das realidades desafiadoras do nosso tempo, sempre nos convidando a sermos uma Igreja missionária, a partir da escuta da Palavra.

Participaram da assembleia representantes dos grupos missionários (COMIPAs, RECOMIS, JM, IAM e colabores missionários) onde se organizaram de modo que avaliassem sua caminhada bienal e indicassem novos caminhos de evangelização missionária nas comunidades, paróquias ou áreas missionárias.

O término da assembleia foi marcado com a missa de envio dos membros da Rede de Comunicação Missionária – RECOMIS, presidida pelo Pe. Braz Lourenço coordenador presbitérial do COMIDI. Assim como no evangelho de Mateus 28,19, onde Jesus envia os seus discípulos para a missão, a fim de que, por meio do anúncio da Boa Nova, do seu testemunho e de sua presença, façam de todas as nações novos discípulos: “Ide, portanto, e fazei que todas as nações se tornem discípulos”.

Para seguirmos nesse caminho animando processos de renovação missionária através da comunicação, é necessário não perdermos de vista e do nosso coração o conteúdo daquilo que comunicamos: “o anúncio de um Deus que ama infinitamente cada ser humano, que manifestou plenamente este amor em Cristo crucificado por nós e ressuscitado na nossa vida. […] Este anúncio deve ressoar constantemente na Amazônia, expresso em muitas modalidades distintas. Sem este anúncio apaixonado, cada estrutura eclesial transformar-se-á em mais uma ONG e, assim, não responderemos ao pedido de Jesus Cristo: “Ide pelo mundo inteiro, proclamai o Evangelho a toda a criatura” (Mc 16, 15)” (Querida Amazônia, n.64).

Texto e fotos colaboração: Rede de Comunicação Missionária – RECOMIS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *