Arquidiocese de Manaus

Religiosa destaca a importância do jejum, oração e penitência no período quaresmal

O tempo quaresmal inicia com a Quarta – Feira de Cinzas.  As cinzas que são abençoadas durante a Santa Missa, são impostas na testa do cristão pelo sacerdote e pela equipe de ministros que diz: “Convertei-vos e credes no evangelho”, ao receber as cinzas o cristão diz: “amém”.

Algumas práticas são vividas  neste tempo em que recorda os 40 dias em que Jesus esteve no deserto, Irmã Cidinha Batista das Irmãs Pias Discípulas do Divino Mestre destaca que a prática da oração e do jejum devem ser vividas numa perspectiva de se unir mais ao Senhor.

Neste período também os cantos do glória e o aleluia não aparecem nas missas. Isso porque são hinos de celebração, de alegria e de muita festa pela vinda do Senhor que vem na Eucaristia.

A palavra Aleluia na expressão hebraica significa “louvai ao Senhor”; enquanto a palavra glória remete exaltação, por isso, esses cantos são retirados durante a Quaresma.

Todo tempo litúrgico tem cantos próprios e é preciso saber escolhê-los bem.

Durante a quaresma é necessário que esta alegria seja contida até o Domingo da Ressurreição. E deste tempo nos convida a oração, jejum e penitência, além de um ambiente muito mais silencioso.

 

Ouça a matéria completa:

 

 

Rádio Rio Mar – Rafaella Moura 

 

 



Por: Rafaella Moura



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *