Arquidiocese de Manaus

É no seio da família que se inicia a missão, destaca Pastoral Familiar

A família é onde se inicia a missão. Todos, homens e mulheres, têm uma missão a ser cumprida ao longo de suas vidas que está ligada diretamente ao projeto de Deus.

Outubro é o mês que a Igreja dedica às missões. A Pastoral Familiar no Brasil procura trabalhar esse tema com as famílias, que têm a missão de conduzir e introduzir cada membro dessa família à missão.

A Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus realiza o acompanhamento das famílias e vê que é necessário estar em sintonia com a Igreja, em comunhão com as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2019-2023 que nos apresenta quatro pilares que dão sustentação à casa.

O 4o pilar impulsiona para a ação missionária, diretrizes essas que são construídas à imagem da casa, do ingresso, da saída. Precisa ser lugar de acolhimento e envio. Ser uma família cristã implica em viver em comunidades que geram familiares missionários e comprometidos.

Para facilitar o acompanhamento das famílias no mês missionário, a partir de 2011, a Comissão Episcopal para a Vida e Família da CNBB lançou o subsídio Hora da Vida, para ser trabalhado com encontro nas famílias, onde se tem aprofundada a missão da família em defender a vida, e sempre se inicia com a Semana Nacional da Vida. Este ano, devido à pandemia e às dificuldades financeiras das famílias, este subsídio foi lançado totalmente digital e as famílias podem baixar gratuitamente no aplicativo “Estante Pastoral Familiar”.

 A Semana Nacional da Vida é tempo de celebração, mobilização e conscientização sobre a dignidade da vida humana. Assim como em anos anteriores, a Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família propõe gestos para marcar mais uma Semana Nacional da Vida, desta vez com o tema “Vida: dom e compromisso”. Uma retomada do tema da Campanha da Fraternidade deste ano. No dia 8 de outubro, no encerramento da Semana da Vida 2020, celebrada pela Igreja no Brasil, celebra-se também o dia do Nascituro.

O objetivo do subsídio proposto para o mês missionário é criar comunhão entre os diversos aspectos da missão e incentivar para o compromisso.

 

Ouça a matéria completa:

Rafaella Moura – Rádio Rio Mar 



Por: Rafaella Moura



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *