Arquidiocese de Manaus

Fiéis festejam São Francisco com missa, carreata e campanha solidária

Religiosos e leigos devotos de vários cantos da cidade estiveram presentes na missa em honra à São Francisco de Assis, realizada às 8h30 deste domingo na paróquia do padroeiro, localizada na praça Coari S/N, bairro São Francisco. A celebração foi presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Manaus, Dom Tadeu Canavarros, concelebrada pelo pároco, Pe. Orlando Barbosa. Os festejos começaram no dia 23 de setembro, com o início do novenário sendo realizado todas as noites, às 19h na paróquia até o dia 2 de outubro, tendo como tema São Francisco nos convida ao compromisso do cuidado e lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10, 33-34). Tudo transmitido pelas redes sociais da paróquia, como forma de evitar aglomeração na igreja e prezar pela saúde e bem estar dos fieis.

Esse ano também, a paróquia realizou uma Campanha Solidária em parceria com a Pastoral Indigenista da Arquidiocese em prol dos irmãos Indígenas e dos menos favorecidos das comunidades da paróquia, as doações de quites de higiene e cestas básicas ainda podem ser entregues na secretaria paroquial até o dia 15, já as doações em dinheiro são feitas por meio do site: www.sfassis.org.br. Após a celebração, foi realizada a entrega mudas de plantas medicinais preparadas pelas 10 comunidades da Paróquia e logo em sequência, foi realizada uma carreata, reunindo aproximadamente 60 veículos, com a imagem do Santo padroeiro da ecologia percorrendo as principais ruas do bairro de São Francisco.

“Nós fomos convidados a refletir com São Francisco sobre os cuidados e o cuidado é uma das características humana que precisa ser pensado como preocupação para fora de si mesmo. O cuidar é uma tarefa de todos, cuidar da pessoa doente, dos pobres, dos que choram dos que não podem pedir, cuidar do nosso planeta. Muitos perderam família, amigos e parentes, mas nós não perdemos a esperança e a fé, e precisamos continuar juntos nesta caminhada, por que não pensamos só em nosso sofrimento, daí vem a importância de participar desta campanha da solidariedade e queremos louvar e agradecer a Deus por todos que já ajudaram”, disse Pe. Orlando ao se referir do gesto concreto que marcou os festejos deste ano.

Palavra do Bispo

Em sua homilia, Dom Tadeu traçou um paralelo das leituras do evangelho com a nossa atualidade, explicando quem são os frutos, quem é a vinha e finalizou comentando sobre os ensinamentos de despojamentos deixados por São Francisco de Assis, que vem sendo exemplo e testemunho de Deus há muitos anos.

“Infelizmente no mundo que vivemos, nós vamos acumulando muitas coisas e São Francisco nos ensina que o despojamento é um sinal de conversão e sinal concreto para a partilha, que passa exatamente por essa liberdade do desprendimento das coisas materiais. Peçamos a São Francisco de Assis que nos ajude a crescer nos frutos que o Senhor espera de cada um de nós e que nesse crescimento sejamos sinal do amor de Deus para todos aqueles que encontramos em nossa vida”, disse o bispo.

Fotos colaboração: Laryssa Melo, Pascom

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *