Arquidiocese de Manaus

Vaticano anuncia a criação da Conferência Eclesial da Amazônia

No dia 29 de junho, quando a igreja católica comemorou a solenidade de São Pedro e São Paulo, o site VaticanNews anunciou a criação da Conferência Eclesial da Amazônia, um organismo episcopal que tem como objetivo promover a sinodalidade entre as Igrejas da região, ajudando a delinear o rosto amazônica desta Igreja e que continue a tarefa de encontrar novos caminhos para a missão evangelizadora, tendo como presidente eleito o cardeal Claudio Hummes, que também é presidente da REPAM (Rede Eclesial Pan-Amazônica).

De acordo com o Pe. Luis Miguel Modino, que faz parte da equipe de comunicação da Repam, a criação da Conferência Eclesial da Amazônia é o resultado de algo que aconteceu na assembleia do Sínodo para a Amazônia, que foi realizado em outubro do ano passado no vaticano.

Diante disso, segundo o padre foi o próprio Papa Francisco que sugeriu o nome da Conferência Eclesial da Amazônia, em vista da sinodalidade, sendo um novo jeito de ser igreja da igreja católica. Daí a explicação de sua atual composição.

O Cardeal Dom Cláudio Hummes explica e comenta o novo organismo da Igreja na Pan-Amazônia. Conforme o cardeal, a Conferência Eclesial da Amazônia pretende ser uma expressão de sinodalidade. Confira o que disse no vídepublicado das redes sociais da Repam. 

 

Confira a reportagem publicada na Rádio Rio Mar FM com informações de Érico Pena.



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *