Arquidiocese de Manaus

Arquidiocese de Manaus celebra a solenidade de Pentecostes com missa na Catedral

A Arquidiocese de Manaus realizou neste domingo (31/05), a celebração da Festa de Pentecostes. A Solenidade, que geralmente acontece todos os anos no Sambodromo reunindo de 80 a 100 mil fiéis, esse ano foi realizada às 17h na Catedral Metropolitana de Manaus, presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Leonardo Steiner, concelebrada pelos bispos auxiliares Dom José Albuquerque e Dom Tadeu Canavarros e pelo pároco Pe. Hudson Ribeiro, sendo transmitida ao vivo pela TV Encontro das Águas, Rádio Rio Mar FM, Rádio Castanho FM e Redes Sociais da Catedral Metropolitana.

Em sua homilia, Dom Leonardo lembrou que “no Pentecostes nos tornamos morada, casa e templo do Espírito Santo, por isso esse é um dia muito especial onde, depois da páscoa, é a celebração mais importante, pois é o Espirito que renova a face da terra, que é paz na ansiedade, confiança no desânimo, alegria na tristeza, coragem na prova, é o consolador que nos transmite a ternura de Deus, é a palavra de vida eterna que cria novo céu, novo mundo, novo coração e nos oferece uma justiça verdadeira ao encontro dos irmãos e irmãs com amor e bondade”, disse o arcebispo.

A solenidade foi realizada de forma bem diferente dos outros anos em virtude do período de pandemia que passamos e que fez com que a Arquidiocese suspendesse as celebrações públicas como forma de contribuir com o isolamento social e evitar o contágio dos fiéis pelo novo Coronavírus. De acordo com o Arcebispo, dessa forma que a celebração foi realizada e transmitida pelos meios de comunicação, as pessoas puderam participar de casa e a cidade de Manaus se tornou uma grande catedral onde todos puderam participar e fica a esperança que, a partir do ano que vem, possamos realizar a solenidade com todos unidos no sambódromo.

“Por questões de segurança e para preservar a saúde de todos, não foi possível realizar no sambódromo, era o que a gente preferia, eu mesmo estava curioso para participar dessa celebração no sambódromo, mas achamos melhor não fazer e inclusive queremos continuar nossas celebrações apenas pelos meios de comunicação, pois assim os irmãos e irmãos poderão participar conosco das nossas celebrações. Espero no próximo ano já podermos estar todos juntos, cantando, rezando, celebrando, confraternizando e percebendo como é o Espírito que nos envolve e nos conduz”, comentou Dom Leonardo.

Ao final da celebração, Dom Leonardo agradeceu a participação de cada um que tem ajudado seja na divulgação por meio das redes sociais e veículos de comunicação, como também a todos os que têm contribuído com doações para os irmãos mais necessitados. Dom Leonardo também lembrou que chega ao fim os 50 dias do tempo pascal e por isso é retirado o círio das celebrações, esse momento contou com a participação de Dom Tadeu e Dom José, depois o arcebispo finalizou a solenidade com a benção do Pentecostes.

Texto: Érico Pena

Fotos: Ana Paula Gióia

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *