Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Nota de falecimento – indígena Humberto Peixoto

A Arquidiocese de Manaus informa o falecimento de Humberto Peixoto, que trabalhava na Cáritas Arquidiocesana, Assessor das Mulheres Indígenas do Alto Rio Negro (AMARN), fazia parte da COPIME – Coordenação dos Povos Indígenas de Manaus e Entorno e representava os povos indígenas como conselheiro suplente no Conselho Municipal de Manaus – CMS/MAO, pela Copime. 

Na última segunda-feira (2/12), Humberto foi espancado quando retornava para sua casa por volta das 15h. Foi um ato de extrema violência que o deixou internado em estado gravíssimo, com afundamento do crânio, fêmur quebrado e perfuração na cabeça, o que provavelmente levou à morte encefálica na terça-feira (3/12) e, na manhã deste sábado (7/12) veio a óbito.

Humberto era indígena da etnia Tuiuca, tinha 37 anos, deixa esposa e uma filha de 5 anos.

Sobre o velório 

O corpo será velado na sede da AMARN e haverá uma missa de corpo presente domingo (8/12), às 8h.

Sede da AMARN: https://maps.app.goo.gl/Przaxn8dt3CpyGh9A


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *