Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Paróquia Santa Cruz celebra o envio e reenvio de Ministros da Sagrada Comunhão Eucarística, da Palavra e do Culto

Na noite deste domingo (24/11), a Paróquia Santa Cruz, localizada na Av. Constantinopla – conjunto Ajuricaba, bairro Planalto – Setor Alvorada Região Episcopal Nossa Senhora dos Remédios, esteve em festa para celebrar o envio de 36 Ministros da Sagrada Comunhão Eucarística e da Palavra e Culto, sendo 18 novos e 18 reenvios. A celebração foi presidida por Dom Sergio Castriani, Arcebispo Metropolitano de Manaus, concelebrada pelo pároco, Pe. Celso Ferreira.

De acordo com Arimatéia Holanda, coordenador dos Ministros, os 36 Ministros são provenientes das sete comunidades, que passaram por uma preparação uma vez por semana durante os últimos quatro meses. “Foi uma formação completa, onde toda quarta-feira das 19h às 21h nós nos reunimos para estudar sobre Cristologia, estudo bíblico, documentos da igreja, Marialogia e parte prática. Foi uma reciclagem para os antigos e uma novidade para os novatos”, disse o coordenador.

Com certeza um dos momentos mais emocionantes e esperados foi a revestidura dos novos Ministros, que receberam e benção e o envio de Dom Sergio para a sua missão. “Não tenho palavras para expressar pois é algo que eu já desejava no meu coração há muito tempo e que Deus nos surpreende fazendo tudo no tempo correto. Antes eu já atuava visitando ou doentes como agente de pastoral, agora depois desse envio é só aperfeiçoar o serviço”, disse emocionada Marleide Oliveira, da Comunidade Santa Rita de Cássia, ao falar a respeito do seu primeiro envio como ministra da Sagrada Comunhão Eucarística.

Outra que estava muito feliz com mais um reenvio era a dona Francisca das Chagas, que além de Ministra da Palavra e da Eucarístia, foi a fundadora de duas das sete comunidades da paróquia. “É o meu segundo reenvio e eu estou muito feliz, meu grande sonho é servir às comunidades até o fim da minha vida”, comentou alegremente a fundadora da comunidade São João Batista e São Francisco das Chagas. Vale a pena lembrar que, ao final da celebração, a comunidade em geral homenageou Dom Sergio com algumas palavras de gratidão pelo serviço realizado como pastor da Arquidiocese de Manaus, um momento que o Deixou muito emocionado.

 

 

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *