Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

PJ realiza a 9ª Semana do Jovem Líder no Colégio Preciosíssimo Sangue

De 15 a 20 de julho a Pastoral da Juventude (PJ) Arquidiocesana, a 9ª Semana do Jovem Líder, com o tema “Juventude Amazônida: da cidadania a florestania”. O evento aconteceu no Colégio Preciosíssimo Sangue (CPPS), localizado na AV. Constantino Nery, em frente à Igreja de São Geraldo, no horário de 16 às 21h e contou com a presença de mais de 250 jovens provenientes dos 12 setores da Arquidiocese de Manaus, contando com uma vasta programação que envolve desde palestras à oficinas temáticas e de formação.

O clima de descontração encheu a quadra do CPPS durante todos os dias, com uma energia positiva que contagiava a todos, todos participaram ativamente do início ao fim, desde acolhida, sempre com uma mística diferente realizada na quadra do colégio, se estendo nas oficinas realizadas em várias salas e com o enfoque no tema principal e é claro que, o espírito da juventude esteve presente em todos momentos, seja por meio da dança, músicas, brincadeiras, mas também falando sério e se fazendo ouvir, participando de debates e interagindo em cima dos temas propostos.

A taxa de inscrição custou R$ 15,00, com direito ao lanche a cada final de noite. Durante a semana, as formações foram divididas em três categorias: iniciação, discipulado e a missão, e cada uma das formações é realizada durante um ano, ou seja, se nesse ano o jovem está na iniciação, no ano que vem vai participar da formação no discipulado, com objetivo de formar melhor as lideranças para atuarem não só nas PJ e também em outras pastorais e grupos de base.

De acordo com Victor Gama, coordenador arquidiocesano do setor Centro Histórico, a ideia do tema foi debater a Amazônia e o papel que temos dentro dela. “A gente olha para a história e sempre vê a gente saindo da aldeia para as grandes cidades, mas porque não podemos fazer o inverso também e com isso igualar a qualidade de vida dos ribeiros e isso que queremos passar para o jovem no estudo desse tema por meio das formações realizadas em 10 salas aqui no CPPS, tendo a frente uma equipe de 20 a 25 pessoas”, comentou Victor.

Segundo o secretário arquidiocesano da PJ, Gabriel Barbosa, a avaliação foi muito positiva e superou as expectativas, trazendo muitos rostos novos nesta edição. “Nós tivemos um número de inscrições acima do esperado, mesmo tendo pouco tempo para divulgar, e percebemos que o jovem tem sede de protagonismo, que traz a sua cultura seja da zona leste ou sul. As interações nas oficinas foram muito boas, cada dia foi uma mística diferente e a galera correspondeu bastante. Cada formador usou a sua própria metodologia, sua própria dinâmica indo desde a sexualidade até a Cristologia, tendo a frente oficineiros competentes, muitos deles que já participaram nas edições anteriores como ouvintes”, explicou Gabriel.

Fotos colaboração: Charles Prado – PJ e Irmão Marista Ronilton Neves, assessor da PJ

    



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *