Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Repam trabalha em rede para e com as juventudes da Amazônia

A Rede Eclesial Panamazônica (REPAM) tem buscado ser um serviço de interconexão e articulação de ações no sentido construir e fortalecer uma grande rede tendo em vista a vida dos povos e do bioma amazônico.

O papel da igreja é de parceira junto às realidades da região, com a missão de fortalecer sua presença (efetiva e afetiva) neste imenso território, alvo de interesses que muitas vezes seguem a lógica do lucro e da exploração dos recursos naturais, da biodiversidade e da vida humana.

As juventudes constituem-se uma parte expressiva da população desta vasta região. São rostos diversos e plurais que vivem e convivem com suas crenças, espiritualidades e culturas. São jovens indígenas, ribeirinhos/as, pescadores/as, quilombolas, caboclos, habitantes da zona rural e urbana de nossas cidades, moradores das periferias e fronteiras.

Assim como são afetados pelas ameaças que se apresentam na Região Amazônica, também são protagonistas de inúmeras ações que visam a defesa e o cuidado da vida, atuando como verdadeiros “profetas e profetizas da esperança”.

No sentido de contribuir com a formação das juventudes, o Eixo de Formação e Métodos Pastorais da REPAM (desde 2016) tem realizado um trabalho de presença e acompanhamento junto aos grupos de jovens no sentido do despertar da consciência amazônica, no aprofundamento do valioso conteúdo da Carta Encíclica Laudato Si’, estimulando-os a fortalecerem seu compromisso e atuação na região.

Você acompanha mais detalhes no áudio á seguir:

 

Rádio Rio Mar – Rafaella Moura 

 



Por: Rafaella Moura



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *