Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Pe. Cairo Gama assume como novo responsável pelo Cruzeiro durante missa presidida por Dom Sergio

Na noite do dia 4 de fevereiro, o Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, presidiu a missa mensal realizada toda primeira segunda-feira do mês no Terreno do Cruzeiro, localizado na Av. Timbiras, Cidade Nova – Setor Padre Pedro Vignola. Ao final da celebração, Dom Sergio nomeou Pe. Cairo Gama como novo responsável pelas celebrações mensais, função anteriormente exercida pelo Pe. Marco Antônio (Pe. Marquinhos) que agora atua no município de Presidente Figueiredo, como pároco da paróquia Nossa Senhora Aparecida, onde tomou posse no último dia 30 de dezembro.

A celebração começou por volta das 19h30, logo após a oração do Movimento Terço dos Homens. A presença ilustre do Arcebispo deixou a santa missa ainda mais emocionante e todos acompanhavam atentamente a cada momento. Após a proclamação do Evangelho realizada pelo padre Cairo, Dom Sergio conduziu a homilia, dando ênfase nas leituras do dia, falando a respeito dos heróis da fé como Abraão e Davi, e, assim como nos tempos de Jesus, ainda vivem nos cemitérios visíveis e invisíveis. “A história é feita de vencedores e vencidos, assim como é até os dias de hoje, com pessoas boas morrendo sem razão, perdendo sua vida para as drogas, para prostituição e violência, pessoas que não importam para a sociedade, mas importam para Jesus que quer curar os que vivem à beira da sociedade, como aquele homem endemoniado do Evangelho”, disse.

Dom Sergio continuou a homilia falando a respeito do Terreno do Cruzeiro, um lugar especial por lembrar as vítimas da violência que, em janeiro de 2018, teve duas salas de velório inaugurada pelo próprio Arcebispo. “Aqui é o lugar para acolher as pessoas que morrem abandonadas, executadas, aqui celebramos a memória delas, pois nós somos pessoas que não esquecem dos nossos falecidos que morrem violentamente e são abandonados pela sociedade, mas pelo menos uma vez por mês realizamos essa missa para expressar nosso sentimento e convicção que a vida é mais forte que a morte, Deus não quer violência, Deus quer a vida e a morte digna para todos. Façamos um instante de silêncio pelos nossos entes”, concluiu Dom Sergio emocionado.

Ao final da celebração, Dom Sergio agradeceu ao Pe. Marquinho, pelos trabalhos realizados no Terreno do Cruzeiro ao longo de sete anos, ele que foi um dos idealizadores do projeto e que esteve sempre à frente das atividades, mas que agora está passando o chapéu para Pe. Cairo. “Recentemente tomei posse na paróquia de Santa Teresinha, onde também temos um espaço para a comunidade mais pobre velar seus entes queridos e a experiência de perda de alguém que a gente ama, me ajudou a refletir para ficar como responsável desse espaço, que sabemos que é um lugar de choro, de luto, mas também é um local de evangelização, de amigos e quando nos deixamos nos envolver de modo especial pela Palavra e pelo evangelho, fazemos desse lugar, um lugar do reino dos céus”, comentou Pe. Cairo.

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *