Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

X APA é tema de discussão do encontro de delegados e coordenação dos setores da Região N. Sra. dos Navegantes

Representantes de setores e delegados da X Assembleia Pastoral Arquidiocesana (APA) que compõem a Região Episcopal Nossa Senhora dos Navegantes estiveram reunidos na manhã do dia 29 de setembro, no salão paroquial da Igreja Santa Rita, no bairro Cachoeirinha, para uma acolhida do Instrumento de Trabalho e definições sobre as Regiões Episcopais criadas para facilitar o pastoreio de toda a igreja de Manaus.

“Essa primeira reunião, segundo Dom Sergio, é onde a gente começa a ideia, dá-se corpo às  Regiões Episcopal e para este momento foram convidados representantes dos 5 setores da Região Episcopal Nossa Senhora dos Navegantes para conversar e fazer com que conheçam cada vez mais o que significa isto na nossa Arquidiocese. Embora a ideia não seja tão nova, mas ganha corpo agora”, explicou o bispo auxiliar e vigário desta Região Episcopal, Dom Tadeu Canavarros.

O Arcebispo de Manaus, Dom Sergio Castriani, promoveu esse movimento da criação das Regiões Episcopais em virtude do tamanho da Arquidiocese e sua complexidade que dificultam ao pastor o conhecimento e acompanhamento de suas ovelhas.

“Os vigários episcopais são legítimos representantes do Arcebispo com quem partilham o ministério. Animam os fiéis a permanecerem firmes na fé católica, reúnem o povo para celebrar a sua fé. As regiões deverão tornar a nossa Igreja mais missionária, mais atenta aos desafios da evangelização e mais ágil em respondê-los. A letra mata, o espírito é que dá vida e só o amor edifica. Só se amarmos a nossa Igreja, com a paixão dos amantes, suas estruturas de comunhão e participação terão sentido e serventia. E continua a valer o princípio que a Igreja não vive para si mas para a humanidade de quem ela está a serviço. Que as regiões episcopais consagradas à Virgem Maria sob o título dos Remédios, Aparecida e Navegantes ajudem a nossa Igreja a ser mais fraterna, mais missionária, mais comprometida com a erradicação da miséria e que sejamos mais corajosos, dinâmicos e criativos”, conclui Dom Sergio.

Confira o registro fotográfico.

 

 

 



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *