Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Arraial do Seminário São José comemora os 170 anos da instituição com a comunidade católica da Arquidiocese

Na noite deste último sábado (25/8), o Seminário de São José realizou o seu tradicional arraial que acontece desde 1990 no último sábado do mês de agosto, finalizando o mês das vocações com uma bonita festa reunindo as paróquias e áreas missionárias da Arquidiocese de Manaus, contando com a presença de bispos, padres e leigos que participaram em peso, podendo usufruir de uma agradável noite de reencontros e confraternização cristã. Além do arraial com comidas típicas, o público ainda prestigiou algumas apresentações musicais, esse ano tendo a participação especial do cantor Zé Vicente e também puderam conferir de perto a Feira Vocacional que contou com a presença de várias congregações religiosas.

O evento começou as 19h, com paroquianos chegando a todo instante vindos praticamente de todos os setores da Arquidiocese de Manaus. Esse ano o evento teve um diferencial que foi a transmissão ao vivo e exclusiva da Rádio Rio Mar 103,5 MHz, levando todos os detalhes de tudo o que acontecia aos seus ouvintes, entrevistando os participantes e organizadores do arraial. Enquanto isso, a equipe de animação de cima do palco ia recepcionando as pessoas que chegavam sozinhas ou vindo em “caravana” de suas paróquias. Por volta das 21h, já com “a casa” praticamente lotada, Pe. Zenildo Lima, reitor do seminário, mesmo um pouco debilitado de saúde, subiu ao palco para dar as boas-vindas e fazer a abertura oficial da festa acolhendo a todos com aquele largo sorriso e com o seu jeito carismático e alegre de ser.

“Festa a gente faz com a presença e a possibilidade de encontro e, esse arraial quando começou em 1990, era chamado de ‘Festa das comunidades no Seminário’, por isso que é importante numa ocasião como essa, a gente viver um encontro de comunidades. Na noite de hoje nós lembramos que há 170 anos o seminário forma presbitérios para cuidar do sacerdócio comum, que pertence a todo o povo de Deus e hoje temos aqui reunido um grande número de padres, mas não podemos esquecer da grande maioria de leigos e leigas que são a vida das nossas comunidades e que enriquece a Igreja. Vocês são a razão de ser do nosso seminário!  Sim, por que o seminário forma os padres para vocês que são Sal da Terra! Vocês São a Luz do Mundo sejam servidos pelo nosso ministério. Por isso para nós é uma alegria receber todos vocês nesse espaço e fazemos o melhor para que vocês se sintam em casa, porque nessa noite são vocês que dão gosto à nossa festa”, disse Pe. Zenildo emocionado.

E realmente, após meses de articulação e planejamento, organização foi algo que não faltou para todos se sentirem “em casa” como Pe. Zenildo salientou. Desde a entrada todos que chegavam eram acolhidos pelos seminaristas com um sorriso no rosto e orientados como e onde estacionar melhor o seu veículo. As equipes responsáveis pelas guloseimas (salgados, doces, churrasco, tacacá, pastel, sorvete e etc) faziam de tudo para não deixar ninguém esperando muito tempo, agilizando o atendimento da melhor forma possível. Para animar o local, apresentações como: grupo de dança Nação Cabocla; Ministério de dança da Área Missionária São Francisco; Banda Filhos da Mãe; Boi Iluminado, formado pelas crianças que fazem parte da catequese da paróquia de Santa Luzia, no bairro da Matinha. Todas deram um verdadeiro show. “Nos fins de semana os seminaristas vão às comunidades para fazer o trabalho pastoral, mas nesse fim de semana foi a vez de receber as comunidades aqui, nesse clima de comunhão. É um dia muito bom e proveitoso”, disse o arcebispo Dom Sergio.

Fora as atrações da Terra, o palco do arraial também recebeu a ilustre presença do cantor e poeta Zé Vicente, conhecido em todo país por suas canções e poesias que deu uma “palhinha” fazendo o público cantar e dançar muito. “Mas importante que o palco, é estar no meio dessa turma fazendo a festa que é diferenciada, pois a gente percebe que todo mundo faz para todo mundo. O importante é a gente fazer uma interação junto com o público, sobretudo contemplado a mesma paixão e o mesmo amor que se faz para muita gente, também fazer para pequenos grupos interativos. Foi assim que fizemos na livraria Paulinas e a tarde com o pessoal que participou no Cefam do Seminário do Conselho Nacional do Laicato” comentou Zé Vicente.

De acordo com Hugo Danivaldo Junior, um dos seminaristas responsáveis pela organização do evento, o arraial superou as expectativas de público e cumpriu o objetivo de trazer as comunidades da arquidiocese para conhecer um pouco mais sobre o seminário diocesano, além é claro de propiciar a confraternização entre os paroquianos da Arquidiocese de Manaus. “A gente organizou essa festa com a ajuda de 50 seminaristas e mais 52 pessoas das comunidades, grupos de oração, equipes de Nossa Senhora, Pastoral Familiar e PJ, enfim, os leigos e leigas que fizeram tudo com carinho a ponto de superar as quatro mil pessoas que estávamos esperando. Tentamos fazer com que todos sejam bem acolhidos e que, além de se divertir, também possam conhecer um pouco mais sobre o seminário e os seminaristas”, comentou Hugo.

Para finalizar, foi realizado um bingão eletrônico com prêmios valiosos, como: mil reais; meia tonelada de alimentos; TV Led 42 polegadas; uma moto CG 125. Claro que o bingo foi mais uma forma de acolher e criar um clima brincadeira entre os presentes e, todo o dinheiro arrecadado nas vendas durante o arraial será revertido para a formação dos futuros padres. Com certeza o mais importante foi ver muitos rostos felizes, se divertindo num ambiente seguro e de maneira sadia, finalizando com chave de outo o mês das vocações salientando principalmente o trabalho dos leigos na igreja e na sociedade e, fazendo valer a pena o tema do arraial desse ano que é “Sal da Vida e Luz da Terra”.

Feira vocacional

Fora o atrativo principal do arraial, o público presente também pode prestigiar a exposição da Feira Vocacional que acontecia simultaneamente num setor ao lado. O evento foi realizado pelo Serviço de Animação Vocacional (SAV) e, pelo terceiro ano consecutivo, foi realizado em conjunto com os festejos do Seminário São José.

Entre os grupos religiosos, que participaram estiveram: Redentoristas, Salesianos, Irmãs Scalabrinianas, Irmãs de Santana, Focolares, Rede Um Grito Pela Vida e outros grupos de leigos que estão em atividade na igreja e se fizeram presente de maneira bem animada, dando atenção a cada visitante que passava diante da sua barraca. “Essa Feira Vocacional nos possibilita conhecer o que cada congregação tem de diferente e de novo. Uma maneira que temos de divulgar os carismas e assim conhecer muitas vocações para nossa igreja”, disse Hugo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



One comment on “Arraial do Seminário São José comemora os 170 anos da instituição com a comunidade católica da Arquidiocese”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *