Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Arcebispo de Manaus comemora 20 anos de episcopado com missa em agradecimento

Gratidão, reconhecimento e carinho marcaram a missa pelos 20 anos de ordenação episcopal do arcebispo metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, ocorrida na noite do dia 9 de agosto, na Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Conceição. Concelebraram cinco bispos, sendo eles Dom Luiz Soares, arcebispo emérito; Dom Gutemberg Regis, bispo emérito da Diocese de Coari; Dom Paulo Romeu, da Diocese de Alagoinha; e os bispos auxiliares Dom José Albuquerque e Dom Tadeu Canavarros, além de vários padres diocesanos e de congregação religiosa que participaram desse momento de agradecimento à Deus pela missão episcopal.

Durante a homilia, Dom Luiz agradeceu a Deus pelos 20 anos de ordenação e por tudo que ocorreu durante todos esses anos, sendo cinco deles à frente da Arquidiocese de Manaus. Explicou, a partir das leituras da missa, o lema  “Habitou entre nós” escolhido por Dom Sergio, que é uma proposta de libertação interior, de liberdade para amar e seguir a Deus, a partir da vinda do Filho de Deus, Jesus Cristo, o nosso Salvador que se encarnou no seio da Virgem Maria.

“Se nós descobrirmos quem é esse Jesus, que é o Filho de Deus e veio habitar entre nós, colocou sua morada no meio das nossas moradas, veio morar no nosso coração, e nós somos as moradas de Deus, para ser o Salvador, o Messias, mas também o filho de Deus que veio fazer de todos nós Filhos e Filhas de Deus, herdeiros e herdeiras de Deus…. O principal da nossa fé e nossa religião viver esse Cristo, descobrir o Cristo, as relações que devemos ter com ele é justamente de redimidos, salvos, libertos, de filhos e filhas, irmãos e irmãs dele. Essa fé deve ser expressada na vida. Seguir Jesus, crer em Jesus é um modo de viver bonito que nos faz enxergar todas as coisas nos seus devidos lugares. É esse o Cristo! Aquele que habitou no meio de nós”, destacou o arcebispo emérito, Dom Luiz.

“Dom Sergio com esse lema tem procurado viver isso, a gente vê pelo trabalho que realizou em Tefé, que está realizando aqui entre nós, o que realizou na CNBB, por oito anos esteve em trabalho missionário na Igreja do Brasil, que se abriu para outros países.  É isso! É missão de todo cristão, mas em especial do bispo que em toda a diocese é o ponto de união dos católicos, é o ponto de referência da comunhão eclesial. É bonito quando um bispo coloca em seu lema do ministério episcopal aquilo que é mais importante, o que é realmente essencial na nossa fé. Agradecemos a Deus que nos deu Dom Sergio como nosso arcebispo, há mais de 5 anos, e a gente sente cada vez a igreja mais viva. Quando veio a notícia da escolha do meu sucessor fiquei muito feliz. E estou muito feliz, apesar de alguns problemas de saúde, mas isso se tira de letra, a gente vai enfrentando e graças a Deus tem uma boa cabeça e isso é muito importante”, afirmou Dom Luiz que esteve presente na ordenação de Dom Sergio, há 20 anos, em Tefé.

Ao final, Padre Humberto Vasconcelos falou em nome de todos os padres da arquidiocese, declarando seu amor filial e pedindo a todos que rezem sempre por este pastor que tanto ama a sua Igreja e se doa por ela.  “O bom pastor é aquele que cuida de suas ovelhas, doa a sua vida por suas ovelhas. E hoje é uma alegria muito grande estamos reunidos para agradecer a Deus o dom da vida, o dom da missão, do ministério do nosso pai amado Dom Sergio. É com amor filial que eu falo em nome dos meus irmãos do clero, eu como seu filho caçula, ordenado padre há 10 meses pelo senhor. Hoje é dia de agradecermos a Deus pelo dom de sua vida em nosso meio, pois o senhor é sinal da misericórdia de Deus em nossa Igreja, o senhor é o sinal do amor de Deus em nosso meio. Por isso, nós da Arquidiocese de Manaus somos felizes por termos o senhor por nosso arcebispo”, declarou padre Humberto, pedindo a todos que rezassem por intercessão de Maria Santíssima pela vida, saúde, missão e vocação de Dom Sergio.

Dom Sergio agradeceu a todos que se uniram a ele nesse momento de gratidão a Deus e em especial Dom Luiz e Dom Gutemberg que estiveram presentes no dia em que foi ordenado bispo e são grandes companheiros nesse 20 caminhada. “A todos muito obrigado por esta missa simples mas que não deixou passar em branco esses 20 anos.  É muito bom ser bispo em Manaus e é muito bom estar aqui com vocês”, finalizou Dom Sergio.

 

  

 



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *