Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Catequese enquanto casa da iniciação cristã é tema de curso ministrado por Dom Leomar Brustolin

Apresentar um conteúdo e uma metodologia que permitem levar a todos a progressiva compreensão e a vivência da fé na vida pessoal e comunitária. Esta foi a proposta do curso Catequese de iniciação à Vida Cristã – Casa da Iniciação Cristã, promovida pela Livraria Paulinas, nos dias 27, 28 e 29 de julho, no Auditório Mãe Paula – Centro de Formação da Arquidiocese de Manaus (Cefam), tendo como público-alvo padres, religiosos, catequistas, agentes de pastoral.

Este curso teve a assessoria de Dom Leomar Brustolin, bispo auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre, doutor em Teologia Sistemática, professor na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), escritor e autor da coleção “Casa da Iniciação Cristã”.

A diretora das Paulinas, irmã Ana Pizzatto, explicou que este curso foi uma resposta ao que a CNBB tem pedido para que se trabalhe a Iniciação à Vida Cristã (IVC) em todas as dioceses e porque havia uma grande demanda de contribuir para formação de catequistas sobre o IVC em Manaus. “A Paulinas trouxe Dom Leomar porque é um parceiro e autor nosso [da Editora Paulinas] e também porque esse é um pedido da CNBB para se trabalhe a Iniciação à Vida Cristã, não só na catequese,  mas em todas as etapas da vida cristã.  Optamos por ele pela preparação, pela experiência e também por ser um bispo que tem uma força muito grande para a igreja. Também porque muitas paróquias, áreas missionárias e comunidades usam o material de Dom Leomar para as catequeses e trazê-lo responde a uma necessidade que os catequistas têm na formação das criança, de como usar o material de catequese de forma correta e atinja seus objetivos que é formar discípulos e missionários”, explicou Ir. Ana.

Sobre o conteúdo ministrado, Dom Leomar explicou que a questão principal trabalhada foi a forma de transmitir a fé aos mais jovens e se estes no processo de catequese estão se tornando discípulos ou apenas adeptos. “Nós conversamos sobre a Iniciação à Vida Cristã que é uma realidade que cresce em todo o Brasil, em especial a partir do Documento 107, da CNBB – Iniciação à Vida Cristã – Itinerário para Formar Discípulos Missionários. Trabalhamos especialmente a implantação deste modelo de formação cristã, para formar discípulos, afrontando os desafios de nosso tempo que são muitos, mas que há muita generosidade dos catequistas leigos das diferentes regiões do país para implantar essa metodologia com o apoio de muitos padres, religiosos e religiosas e os bispos que assumem esse compromisso. O que está em questão é como transmitir a fé para as novas gerações, com o fortalecimento das comunidades eclesiais, buscando sempre mais a vivência cristã de acordo com o Evangelho. A grande reflexão que se fez foi: estamos formando discípulos de Jesus Cristo ou apenas adeptos? Queremos formar discípulos que seguem o Mestre”, afirmou Dom Leomar.

Dom Leomar ainda destacou que os participantes já estão percorrendo um bom caminho no trabalho de IVC e além da formação, foi importante escutar quem está junto às crianças e jovens em processo de conhecer a igreja através da catequese.  “A impressão que tive é que Manaus tem uma igreja viva, muito animada e já tem um caminho de formação e a gente percebe pelos discursos e relatos que um percurso já está sendo feito.  Por isso, foi muito interessante vir aqui também para escutar e perceber os avanços que já se constatam aqui na Amazônia em relação à Iniciação à Vida Cristã”, enfatizou o assessor do Curso.

Confira o registro fotográfico.

   



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *