Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Arcebispo esclarece sobre a Coleta da Solidariedade

O arcebispo de Manaus, Dom Sergio Castriani divulga nota de esclarecimento sobre a Coleta de Solidariedade promovida pela Igreja no próximo domingo (25/3).

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Domingo que vem será Domingo de Ramos, e terminaremos a Campanha da Fraternidade com a *Coleta da Solidariedade*.

Diante de algumas dúvidas que tem aparecido nas redes sociais quero dar os seguintes esclarecimentos:

Todo o dinheiro arrecadado em todas as coletas deste dia, e não só o que vem nos envelopes, é enviado para o Fundo Nacional de Solidariedade, administrado pela CNBB e para o Fundo (Arqui)Diocesano de Solidariedade, administrado pela Cáritas Arquidiocesana.
40% vai para o Fundo Nacional e 60% para o Fundo (Arqui)Diocesano.

Destes 60%, a nossa Arquidiocese repassa 10% para a CNBB Regional Norte 1, ficando com a metade do que é arrecadado.

Em que é gasto este dinheiro?  Administrado pela Cáritas Arquidiocesana ele ajuda a manter a sua estrutura que existe para responder as situações de emergência.

Também usamos este dinheiro para ajudar o trabalho das Pastorais Sociais. São elas a da Criança, da Pessoa Idosa, da Sobriedade, dos Indígenas, dos Migrantes, a Carcerária, do Menor, do Povo da Rua, Operária a da DST/AIDS.

A coleta não consegue suprir a todas as necessidades da ação caritativa da Igreja, sobretudo em tempos de crise econômica, mas seria muito difícil para as pastorais sociais, cujos integrantes são voluntários, subsistir sem esta ajuda.

O Fundo Nacional distribui o dinheiro a projetos devidamente apresentados pelo bispo local, e analisados por um conselho gestor.

Num mundo cada vez mais egoísta, onde a solidariedade é mostrada como fraqueza, a campanha da solidariedade é uma forma de dizermos que os seguidores de Jesus são diferentes.

Sejamos generosos e tenhamos a certeza de que a nossa doação está sendo bem utilizada.

 

Manaus, 18 de março de 2018, 5o. domingo da quaresma.

Dom Sergio Eduardo Castriani
Arcebispo Metropolitano de Manaus



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar