Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Área Missionária São Pedro Apóstolo acolhe Pe. Tiago como novo pároco

Muita alegria e emoção marcaram a celebração de posse do padre Thiago dos Santos Alves que, desde esse domingo (4/3), assumiu como novo pároco da Área Missionária São Pedro Apóstolo (AMSPA). A Celebração foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani na igreja da comunidade São Francisco de Assis, e concelebrada pelos padres convidados Afonso Amane, pároco da Área Missionária São Francisco das Chagas; Pe. Cláudio Trabacchin, pároco da Área Missionária Santa Mônica e Pe. Flávio Gomes, pároco da Área Missionária Divina Misericórdia.

Além dos religiosos, a celebração também contou com a presença de familiares e amigos, alguns provenientes das paróquias de São João Batista, em Iranduba e Nossa Senhora Aparecida, em Cacau Pirera, onde o padre Tiago trabalhou como pároco e chegaram em três ônibus. Também estavam presentes, os comunitários das oito comunidades eclesiais que compõe a AMSPA que lotaram a igreja para acolher o mais novo padre. “Meus anos no seminário, foram a maior parte nos interiores. Depois de ordenado diácono fui enviado para o interior e, depois de ordenado padre, ainda passei três anos e meio no interior, totalizando quase nove anos de aprendizado com um povo de muita fé e solidário. Agradeço pela vinda de vocês aqui hoje”, disse Pe. Tiago aos seus amigos que vieram de longe.

Durante a homilia, Dom Sergio deu ênfase na leitura do evangelho que abordou o zelo pela casa de Deus e que o padre tem essa função, de cuidar do templo do Senhor e do povo de Deus. Ao fim da homilia, a celebração continuou com a leitura da provisão realizada pelo padre Flávio, seguida da renovação das promessas sacerdotais, com o novo pároco sendo interrogado pelo arcebispo diante do público, após esse momento, Dom Sergio realizou a entrega dos três instrumentos que o pároco recebe para desempenhar bem a sua missão: Estola e casula; a chave do sacrário; e o Evangelho, declarando assim empossado e apto para desempenhar suas funções de pároco.

“A estola é o símbolo do poder sacerdotal, que ele usa para ministrar os sacramentos da eucaristia, confissão e unção dos enfermos que ele é o responsável. A maior riqueza da igreja é a eucaristia que nós guardamos no sacrário para levarmos aos doentes e enfermos, e o padre é o responsável pela chave do sacrário, para que não falta nunca o pão consagrado na celebração eucarística. O padre é o homem de palavra e da Palavra, que vive e anuncia a Palavra de Deus, um instrumento que ele já recebeu pelo menos duas vezes antes, e hoje recebe novamente ao assumir como pároco”, explicou Dom Sergio.

Antes do fim da celebração, a comunidade deu as boas-vindas fazendo a apresentação dos agentes de cada comunidade e fazendo um breve histórico da AMSPA, que surgiu de uma Área Missionária maior que foi dividida para melhor atender às comunidades. As boas vindas continuaram no centro paroquial após a benção final, onde todos foram convidados a participar de um jantar de confraternização. “Estou entre vós como aquele que serve (Lc 22, 27), esse é o meu lema diaconal e presbiteral. Queria pedir a vocês que me vejam como fracassado por seu novo e nem que me vejam como salvador, pois como diz o Papa Francisco, realizar a vontade de Deus deve ser a nossa prioridade porque Ele é o caminho a verdade e a vida e, as paróquias, devem ser locais onde a porta esteja sempre aberta para ir ao encontro dos demais”, disse o pároco no seu discurso final.



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *