Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Dom Sergio preside missa de admissão às Ordens Sacras de três seminaristas do Seminário São José

Na noite desta quinta-feira (15/2), o Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, presidiu a celebração eucarística de admissão às Ordens Sacras dos seminaristas Matheus Marques, Alfredo Neto e Roberto Serra. A solenidade ocorreu na capela do seminário São José, sendo concelebrada por Dom Tadeu Canavarros, bispo auxiliar; Pe.Zenildo Lima, Reitor; Pe. Marciney Marques, Vice-Reitor e formador do curso de Teologia; Pe Leonardo Santos, formador do curso de Filosofia, além de outros padres e demais amigos e parentes dos seminaristas que foram convidados.

A missa também marcou a abertura oficial das atividades do Seminário Arquidiocesano, com a apresentação dos 12 novos seminaristas, não apenas da Arquidiocese de Manaus, mas de todo o Regional, vindo das dioceses de Parintins, Coari, Roraima, São Gabriel da Cachoeira; e das prelazias de Borba, Tefé, Itacoatiara. Também foram apresentados a Dom Sergio, os oito jovens vocacionados que começaram a sua experiência de convivência vocacional na Casa de Formação N. Sra. Aparecida, localizada no município de Presidente Figueiredo que está sob a direção do padre Ronaldo Araújo.

Durante a homilia Dom Sérgio falou das leituras do dia que ressaltavam a caminhada do Povo de Deus no deserto e aliança que Deus faz com seu povo. Depois comentou sobre a caminhada de Jesus rumo ao sacrifício da cruz e concluiu falando sobre os três jovens seminaristas que estão começando a caminhada da vida rumo ao altar, “As ordens sacras é isso: serviço em torno do altar que é Cristo, e toda nossa vida obra em torno do altar, a vida do Padre, do Bispo, do Diácono, do leitor enfim, somos servidores do altar que simboliza a doação de Cristo e o sacrifício que fez por nós. Isso não é uma ilusão. Esse é o ideal da vida religiosa: Servir Jesus no altar e a partir do altar, servir os irmãos” disse o Arcebispo.

Após esse momento, o reitor do Seminário faz um breve comentário e, seguida apresentou os candidatos a Missão às Ordens Sacras “ não tem coisa alguma mais a vida da gente, do que as pessoas crescerem e caminharem. O Arcebispo nos propôs esse paradoxo da liturgia da palavra que diz que escolher a vida é doar a vida à escolha o altar de Cristo. Hoje apresento os três jovens que começam a caminhada na Teologia, que é uma etapa que se tornam parecidos com Jesus”. Disse Pe.Zenildo Lima.

Mais informações em breve



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

avatar