Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Missa celebra os 70 anos de existência da Casa da Criança

A Casa da Criança, instituição filantrópica criada em 1948 por Dom João da Mata, dirigida pelas Irmãs Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo, foi construída para atender crianças carentes, celebrou na noite desta quinta-feira (01/02), o Jubileu de vinho pelos seus 70 anos de existência. A celebração foi realizada na Capela da Medalha Milagrosa, localizada dentro da própria instituição, presidida pelo padre Danival Lopes, concelebrada pelos padres da prelazia de Tefé, Alexandre Fonseca, Rogério Toro e Paulo Vinuto.

A celebração contou com a presença de funcionários, amigos benfeitores, autoridades, religiosos e leigos que lotaram os bancos da igreja, onde as 18h em ponto deu-se início à santa missa, com a diretora, Ir. Maria da Cruz fazendo um agradecimento emocionada a todos os presentes e lembrando o nome das irmãs missionárias que já passaram pela direção da Casa da Criança e também foi colocado em oração, o nome dos benfeitores que faleceram recentemente.

Durante a homilia, pe Danival Lopes fez uma analogia entre a missão dos apóstolos e o papel das irmãs da caridade, que tem a coragem de se doar para edificar outras vidas. “Ao celebrar os 70 anos, encontramos o fio de ouro que liga todos nós a Deus, é como nos dizia Jesus: ama ao teu próximo e essas irmãs há 70 anos fazem o bem. E por aqui já passaram tantas irmãs que deram a vida por essa casa, rezando permanentemente pelas vocações da igreja local. Só tenho a dizer, muito obrigado Irmãs da Caridade, por 70 anos de dons e entrega, sinal do reino de Deus na Arquidiocese de Manaus”, disse Pe. Danival.

Ao final da celebração, todos foram convidados a participar de um coquetel, realizado na quadra da instituição, com direito a bolo de aniversário e discursos de agradecimentos ou de homenagem a uma instituição tão importante. “Aqui é um ambiente muito puro, muito sagrado e agradável. São 70 anos cuidando, educando e transformando vidas que hoje celebramos e não se encerra hoje aqui, pretendemos fazer um ano todo de comemoração. É impossível citar em uma noite o nome de todas que contribuem e contribuíram para o andamento desta Casa, mas fica aqui o meu agradecimento a cada um, pois a educação infantil é a primeira etapa rumo ao conhecimento”, disse Ir. Maria Cruz.

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar