Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Dom Sergio celebra missa de formatura da turma de 2017 da Escola de Teologia Pastoral

 

Na noite desta quinta-feira 23 de novembro, cerca de 50 pessoas, entre familiares, alunos, ex-alunos, professores, participaram da formatura de 22 alunos da Escola de Teologia Pastoral, incluindo sete alunos do curso bíblico. A cerimônia ocorreu no auditório Mãe Paula do Centro de Formação da Arquidiocese de Manaus (Cefam) e foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, concelebrada pelo padre José Ribeiro.

Iniciada em 1996, com o objetivo de ser um instrumento de ajuda na formação de agentes para evangelização da Igreja de Manaus sintonizando-os com a caminhada pastoral de nossa Arquidiocese e da Igreja do Brasil, a Escola de Teologia Pastoral consiste num processo sistemático de Formação Teológica e Pastoral para Agentes de Evangelização através do qual o Cefam busca atender as orientações sempre presentes nas Assembleias Pastorais Arquidiocesanas (APAs) de promover a formação e capacitação de agentes.

Durante a celebração, os próprios formandos participaram dos ritos litúrgicos e, ao final, fizeram um agradecimentos todo especial e emocionado aos membros da família e sobre tudo à equipe de professores/formadores. “Obrigado pela atenção, carinho e amor, a todos vocês professores ficará sempre nossa admiração e respeito, pela sua competência, dedicação e seriedade. Não vencemos sozinhos, vocês nos enriqueceram com seus conhecimentos e por isso a nossa vitória também é dedicada a vocês”, disse a formada Maria Luzarina.

Mais sobre a escola de Teologia pastoral

A Escola de Formação Pastoral colabora com organização acadêmica, trata seus conteúdos com um enfoque predominantemente pastoral. Neste sentido, acentua-se a perspectiva da comunhão e missão, favorecendo uma igreja encarnada e comprometida com o Reino de Deus, incentivando uma espiritualidade ecológica e inculturada comprometendo-se com a transformação sócio-político na sociedade.

Entre os pré-requisitos para a admissão dos candidatos estão: Tenham frequentado um curso/escola de nível básico; Tenham noções elementares dos documentos da Igreja; Tenham conhecimento prévio da Bíblia (Introdução aos livros da Bíblia, manuseio, divisão, nº de livros, Livros do 1º Testamento e do 2º Testamento, significados dos pontos, vírgulas, ponto e vírgula, hífen); Estejam inseridos na vida comunitária/pastoral ou interessadas em aprofundar seus conhecimentos e sua fé; e ter o ensino médio completo ou cursando.

O curso tem a duração de dois anos, organizados em módulos. Além das aulas presenciais, serão promovidos seminários, debates e outras modalidades pedagógicas valorizando a experiência dos alunos em seus respectivos espaços de engajamento. Trata-se, portanto de uma metodologia participativa que desperte uma consciência crítica e uma prática transformadora da realidade.

Mais informações em breve



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz