Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Dom Sergio celebra rito de dedicação do altar da comunidade Santa Mônica na A.M.M.I.

O arcebispo metropolitano de Manaus, Dom Sergio Castriani, presidiu na noite desta quinta-feira (09/11), a celebração toda especial do rito da dedicação do altar da comunidade Santa Mônica, situada na Av. Batrúm, nº 8 – Novo Reino 1, pertencente à Área Missionária Maria Imaculada (A.M.M.I), setor Dom Luiz Soares Vieira. A santa missa foi concelebrada pelo pároco, padre Fernando dos Santos Medeiros e padre Roberto Valicourt, diante de uma igreja lotada de fiéis vindos das comunidades que compõe a A.M.M.I.

Durante a sua homilia, Dom Sérgio fez um pequeno comentário sobre as leituras do dia e depois falou a respeito da importância do altar na igreja, segundo o novo e antigo testamento. “O altar é sinal de aliança com Deus, local de sacrifício e holocausto a Deus, por isso tem que ser de pedra, fixo, irremovível. No antigo testamento, o altar é sinal de permanência de Deus com o povo. No novo testamento o altar é Cristo, significa Jesus e por isso o altar é consagrado, porque no altar se consagra o pão e o vinho, é um lugar sagrado, feito de pedra e irremovível, tendo um local de destaque no templo”, disse o arcebispo.

Após a homilia, foi realizado a prece de dedicação do altar e logo após, entoado a ladainha de todos os santos antes de iniciar os preparativos do ritual de consagração, que constitui em: ungir o altar com o óleo da Crisma para purifica-lo; a incensação do altar, simbolizando o sacrifício de Cristo e nossas oração elevadas a Deus; o revestimento, indicando que o altar é para o sacrifício eucarístico e mesa do Senhor; a iluminação do altar, lembra-nos que Cristo é a luz para a revelação dos povos.

“Com a dedicação do altar, a comunidade de Santa Mônica deu mais um passo, é como isso tivéssemos feito nosso batismo, ou melhor, a crisma pois é um rebatizado da comunidade que já possui quase 25 anos, mas ainda há muito o que caminhar. Agradeço a todas as comunidades que se fizeram presente que nos deixa muito grato e dia 24 teremos um novo encontro na comunidade Divino Espirito Santo onde Dom Tadeu irá fazer a dedicação do altar da comunidade”, comentou o pároco pe. Fernando.

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz