Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Cáritas faz levantamento das necessidades de ribeirinhos da Costa do Catalão que sofrem com fenômeno da terra caída

A Cáritas Arquidiocesana de Manaus realizou uma visita aos moradores da Comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, localizada no Catalão, Iranduba, a pedido do pároco da Área Missionária Nossa Senhora Aparecida, padre Thiago Alves, que identificou dezenas de famílias em situação de vulnerabilidade por estarem em área onde ocorre o fenômeno das terras caídas, ocasionadas pela violência com que as águas do rio Solimões bate na terra. Muitas famílias perderam seu pedaço de terra onde cultivavam hortaliças, como agricultura de subsistência, e outras perderam suas casas.

As famílias se veem obrigadas a migrar, transferindo sua comunidade para uma área de terra firme. 17 famílias já mudaram para um assentamento do Incra, situado no quilometro 24, ramal da Cachoeira do Castanho, de Iranduba, mas ainda não possuem água e luz, o que tem tornado o local muito difícil para morar e plantar, logo não conseguem cultivar as hortaliças que os sustentam.

 

Mais detalhes em breve.

Confira o registro fotográfico.



Por: Ana Paula Gioia Lourenço

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz