Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Portal Amazônia – Emoção marca celebração de Pentecostes em Manaus

No rosto dos fiéis que participavam do Pentecostes era possível ver a emoção, principalmente com a entrada de Nossa Senhora de Aparecida

O Sambódromo transformou-se em um verdadeiro templo na noite deste domingo (4). A Igreja Católica celebrou a festa de Pentecostes que foi presidida arcebispo de Manaus, Dom Sérgio Castriani, que não escondeu a emoção ao ver o local tomado pelos fiéis. A Polícia Militar (PM) calcula 60 mil devotos participaram do evento.
Emocionado, o arcebispo de Manaus, Dom Sérgio Castriani, contou ao Portal Amazônia que a festa de Pentecostes marca o nascimento da igreja. “É a fundação da igreja, tudo começou no Pentecoste. Acredito que as pessoas devam manter a fé na igreja, isso é de suma importância para o crescimento da mesma. Gosto de destacar que a comunidade precisa viver em comunhão, essa é uma das nossas principais missões”, disse.

Sobre o tema do Pentecostes, ‘Vem Espírito Santo, com Maria, cuidar da Amazônia!”, o arcebispo disse que é necessário cuidar e proteger o bem mais valioso da humanidade. “Falar de Amazônia é tudo, principalmente para nós que moramos aqui. A igreja tem um papel fundamental para as questões do meio ambiente. Estamos fazendo nossa parte e esperamos que os manauaras também façam”, falou.

Devoção

No rosto dos fiéis que participavam do Pentecostes era possível ver a emoção, principalmente com a entrada de Nossa Senhora de Aparecida, conhecida também como Nossa Senhora da Amazônia. A engenheira Monique Miranda participou pela primeira vez do evento e teve a honra de levar a imagem da santa até o altar. “É uma experiência única, principalmente para quem participa da Pentecostes pela primeira vez. Dá para sentir que esse lugar está sendo iluminado pela presença da santa”, revelou.

Existem os devotos que participam há anos das festividades. A aposentada Graça da Silva passou parte da missa ajoelhada. O motivo? Uma promessa feita por causa de um problema de saúde. “Estou aqui agradecendo. Ano passado eu tive que fazer uma cirurgia, e Graças a Deus, tudo ocorreu bem. Recebi um livramento e estou apenas retribuindo”, contou.
O professor Adaiton Cabral levou toda a família para o Sambódromo. Eles confraternizaram juntos o Pentecostes, algo que já virou uma tradição. “Gostamos de estar juntos nessas ocasiões. Tantos pais gostariam de trazer os filhos, mas a gente sabe que nem sempre é possível. Acho tão bonito quando a igreja se une com um único propósito”, afirmou.

Sem ocorrências graves
Segundo o coordenador do Centro Integrado de Comando e Controle (Ciccc), Hermes Macedo, o evento contou com a participação de órgãos municipais e estaduais. Ele destaca que a preparação para o Pentecostes levou dois meses. “Assim que a Arquidiocese oficializou a data para as festividades nós começamos a preparação. Temos hoje aqui a participação das policiais militares, civis, bombeiros, enfermeiros e agentes de trânsito”, explicou.
Ele destacou também que até o encerramento do evento não aconteceu nenhuma ocorrência grave. “Apenas uma criança passou mal. Essa foi a nossa maior preocupação, como se trata de uma festa religiosa, a atenção é toda focada para a segurança dos fiéis, por que pode sempre existir a possibilidade de um mal súbito, principalmente por causa do nosso clima. Então, as nossas equipes reforçaram o atendimento de saúde”, revelou Macedo.

 

Matéria publicada em 04/06/2017, confira no link: http://portalamazonia.com/noticias/emocao-marca-celebracao-de-pentecostes-em-manaus



Por: Arthur Amorim

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz