Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Portal A Critíca – Grupo de estudos discute sobre imigração de venezuelanos em Manaus

Isabelle Valois Manaus (AM)

O grupo de estudos de imigração da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) realizou na manhã desta sexta-feira (2) uma mesa redonda para discutir sobre os “Venezuelanos no Amazonas: Desafios às Políticas Públicas”. Pastoral do Imigrantes, Ministério Público Federal, Secretária da Secretaria de Estado Justiça, Direitos Humanos e Cidadania ( Sejusc) e o próprio Cacique dos indígenas Venezuelanos da etnia Warao participaram do evento.

De acordo com o coordenador do grupo de estudo de imigração da universidade, o doutor em antropologia, Sidney Silva, a ideia é que cada órgão apresente a atual realidade da situação em que está a vinda dos venezuelanos ao Amazonas e discutir a respeito sobre as políticas públicas. “Precisamos implementar essas políticas que é um direito do cidadão e dever do Estado. Por isso, é importante colocar assuntos  como esse em discussão, propor soluções e medidas para atender às necessidades no qual essa população venha a passar”, explicou.

Para a pesquisadora na área antropóloga, Lúcia Puga, afirma que é necessário entender a necessidade e pensar não em pessoas imigrantes, mas sim em pessoas humanas. Ela afirma que a situação não deve ser resolvida tão rápida como se imagina. “Não podemos ver a imigração como um problema, mas como pessoas transitórias. Por conta disso, precisamos buscar soluções para melhor atender essa população e romper as barreiras. Melhorar as políticas públicas e trabalhar na atenção básica para os imigrantes” detalhou.

Durante as falas, o cacique dos Warao, Anibal Perez, aproveitou a discussão para agradecer por todo acolhimento social que assim como ele é os demais venezuelanos tem recebido durante esses seis meses. Além do agradecimento, Aníbal disse que eles estão abertos para novos conhecimentos e que após ganharem o abrigo, agora o desejo deles é retirar as mulheres das ruas e conseguirem dinheiro com o próprio trabalho.

“Somos agricultores, pescadores e estamos dispostos a buscar novos conhecimentos para trabalhar. Também trabalhamos com artesanatos, mas não temos a matéria prima para a confecção das nossas peças e precisamos de ajuda com isso. Assim como temos muito o que aprender com vocês, vocês também tem muito a aprender conosco e estamos à disposição para isso”,completou o cacique.

 

Publicado por Portal A Critíca em 02/06/2017, link: http://www.acritica.com/channels/manaus/news/grupo-de-estudos-discute-sobre-imigracao-de-venezuelanos-em-manaus



Por: Arthur Amorim

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz