Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Fiéis participam do encerramento dos festejos de São José Operário com missa e procissão

Cerca de 2mil pessoas participaram da Festa de São José Operário, realizada no Santuário São José nesta segunda-feira (01/05), em homenagem ao Dia Mundial do Trabalho. A celebração foi presidida pelo padre Francisco Alves (Pe. Chicão) Inspetor da Inspetoria Salesiana Missionária da Amazônia (Isma), que concelebrou junto aos padres Pe. Antônio de Assis (Pe. Bira), Vice-Inspetor da Isma; Pe. Jeferson Silva, ecônomo da Isma; Pe. João Benedito, pároco e reitor do Santuário São José e Pe. Justino Sarmento.

Hoje é um dia de Festa e um dia de Fé, até porque em virtude da crise que nos encontramos, com a falta de emprego e várias demissões, traz as pessoas para mais perto de São José, o santo padroeiro dos trabalhadores, para pedir por um trabalho ou para agradecer pelo trabalho que tem”, disse o pároco ao se referir à grande quantidade de fiéis que lotaram a igreja de ponta a ponta durante a celebração que, esse ano, trouxe como tema: Juntos com São José na defesa da vida e da criação.

Durante a celebração da festa, que precedeu à procissão em honra do Santo, toda a solenidade foi com ênfase na importância de São José, homem justo e fiel que foi pai adotivo de Jesus e que lhe ensinou seu primeiro ofício, o da carpintaria. “José para nós é um exemplo e modelo de intimidade com Deus, de escuta e de obediência ao aceitar uma decisão na qual ele se tornaria pai e protetor do filho de Deus e hoje lembramos desse homem que também é o padroeiro de todos os trabalhadores”, comentou Pe. Chicão em sua homilia

Após a celebração, os milhares de fiéis se juntaram a muitos que já aguardavam na rua para seguirem em procissão pelas principais vias do centro (Ramos Ferreira, Major Gabriel, Sete de Setembro, Duque de Caxias) orando, rezando o terço, cantando hino da Campanha da Fraternidade, realizando o trajeto num clima de muita fé e devoção até retornarem ao Santuário, onde o pároco João Benedito encerrou a celebração e, junto com os outros padres presentes, abençoaram os presentes e suas carteiras de trabalho.

Depois desse momento, os fiéis fizeram sua tradicional oração junto à imagem do padroeiro e todos foram convidados a participarem do arraial que aconteceu na área externa da igreja. “Encerramos mais um ano da Festa de São José Operário, e a cada ano percebemos que vem crescendo cada vez mais o número de devotos que participam do novenário, do translado, da carreata, da procissão e de toda a nossa programação que culmina com o arraial porque ninguém é de ferro e também precisamos nos divertir mexendo um pouco o esqueleto”, disse o pároco sorridente.



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz