Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Arcebispo de Manaus celebra missa da quarta-feira de cinzas na Matriz

Dom Sergio Castriani, Arcebispo Metropolitano de Manaus, presidiu na noite de hoje, (1/3) a tradicional missa da quarta-feira de cinzas, que marca o início da Quaresma no calendário cristão. A Santa Missa foi realizada as 18h30 na Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Conceição, também conhecida como Igreja da Matriz, e contou com a presença de centenas de fiéis que compareceram para receber as cinzas na testa, como símbolo de arrependimento perante Deus e lembrança da própria mortalidade, do pó viemos ao pó voltaremos, como explica Pe. Hudson, pároco da catedral.

Como todos sabem a Quaresma é um período de preparação para a Páscoa, que iniciamos com a distribuição de cinzas, que nos recorda a nossa fragilidade humana e a misericórdia de Deus. É um período marcado pela penitência e conversão que é o que nós discutimos como tema central da Quaresma, por isso às cinzas, recordando que nós viemos do pó e ao pó voltaremos e, ao receber as cinzas, nos sentimos pequenos, humildes, frágeis e queremos assumir uma atitude de reflexão, reconhecendo o amor misericordioso de Deus, que nos ama, nos perdoa e nos chama à conversão”, explicou o pároco.

De acordo com Dom Sergio, a Quaresma é uma caminhada para Páscoa através de um processo de mudança de vida que começa na quarta-feira de cinzas. “Estamos num tempo favorável, onde temos o privilégio de renovarmos nossa vida e experimentamos a alegria da salvação, buscando a consciência do pecado e pedindo perdão a Deus, lendo mais o evangelho e deixando o que é supérfluo de lado. É o tempo de oração, jejum e esmola, tempo de caridade e de praticar a penitência, por isso recebemos às cinzas como sinal de desejo de renovação, assumindo nossa pequenez e agindo segundo a vontade de Deus”, comentou durante a homilia.

Para Marilda da Silva, paroquiana da igreja de Nossa Senhora de Nazaré, não foi apenas uma celebração muito bonita, mas sim um grande momento de reflexão na fé e na caminhada cristã. “Essa é a primeira vez que venho na celebração de cinzas aqui na matriz e é algo realmente que mexe com a gente, ainda mais depois de ouvir as palavras do bispo com todo o significado que tem para nossa vida cristã, principalmente durante a Quaresma que se inicia hoje, sem falar também da Campanha da Fraternidade que está ai para nos lembrar como os biomas e a preservação do meio ambiente é importante”, disse.



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz