Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Dom Sergio preside missa de encerramento do segundo dia do Maranatha

O Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sergio Eduardo Castriani, presidiu na tarde desta segunda-feira (27/02) a missa de encerramento da programação do segundo dia da 24ª edição do Carnaval Católico Maranatha. O evento, que está sendo realizado na Arena Amadeu Teixeira, situada na Av. Constantino Nery. iniciando as 8h e terminando as 18h, é organizado todos os anos pela comunidade Nova e Eterna Aliança e, conforme explica seu fundador, Tell Menezes, esse ano o foco em honra à Nossa Senhora Aparecida, de quem se comemora os 300 anos de aparição da imagem.

“O tema central que estamos trabalhando esse ano é: Em Maria, Deus revela todo seu amor pela humanidade e o lema: O verbo divino se fez carne. Ambos são em homenagem aos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida e voltados ao ano Mariano, em cima do qual está voltada toda nossa programação, como as palestras, cantos, louvores e etc. É uma forma diferente de curtir o carnaval e também de renovar a fé”, explicou Tell. E é assim que acontece todos os anos no Maranatha, o Carnaval Cristão onde as pessoas têm a possibilidade de, durante três dias, viver uma folia diferente, onde a animação é centrada em Cristo e muitas benção são alcançadas.

Um grande exemplo disso é a dona Conceição de Oliveira, que se faz presente todos os anos e que, segundo ela, são tantos momentos maravilhosos que é até difícil segurar a emoção. “Eu só tenho que agradecer! Estou operada da vista, estou doente da coluna, mas estou aqui firme e forte agradecendo as bênçãos e participando de todos esses momentos tão lindos dedicados à Deus e a nossa mãezinha querida, pois aqui tudo é maravilhoso, as palestras, as missas, as músicas, a oração do terço, não tem como a gente não sair daqui mais leve e tocada”, disse a fiel emocionada.

Toda essa emoção sentida é resultado de meses de muito planejamento e oração. De acordo com Tell, cerca de cinco meses antes do evento, a equipe de coordenação já começa a se reunir para definir a programação. “Nossos primeiros contatos começam a ser feito com meses de antecedência, quando nos reunimos para rezar, buscar pregadores e fazer parcerias, como nesse ano, onde temos a participação de vários movimentos, comunidades, ministério de música, terço dos homens e outros grupos que somam em torno de 90 a 100 pessoas trabalhando para que esse evento aconteça da melhor forma possível”, comentou o coordenador da Comunidade Nova e Eterna Aliança.

Entre os palestrantes que foram convidados, estava o Pe. Leandro Bernardes, vindo de São José do Rio Preto (SP), que elogiou a participação do povo de Manaus. “A religiosidade dele é visível e tangível. O carinho com os sacerdotes e a abertura ao espiritual, hoje em dia isso é raro e agrada muito o coração de Deus”. Durante sua participação no Maranatha, Pe. Leandro deu foco no tema pecado e salvação. “Além de falar sobre Nossa Senhora como modelo, também abordei o princípio do agir do Espirito Santo e, no primeiro dia eu parti do mistério da encarnação para trabalhar o carnaval com as frases dos santos, para que as pessoas tenham conhecimentos sobre o que eles disseram sobre esse período”, explicou o padre.

 



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz