Arquidiocese de Manaus
Arquidiocese de Manaus

Alegria, confraternização e emoção marcam o encerramento do XIV Oitavário da Epifania

Com o tema, Epifania: Manifestação do sim de Maria ao projeto do Pai da Misericórdia, foi realizado entre os dias 6 e 13 de janeiro na paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos, localizada na rua Washington Luis, 55 – Dom Pedro, setor alvorada, o XIV Oitavário da Epifania. A abertura do evento foi presidida pelo bispo auxiliar de Manaus, Dom José Albuquerque e, ao longo dos oito dias, contou com a participação de outros padres que se revezavam presidindo a celebração que a cada dia era um tema específico, baseado no Lema: Discípulos missionários: o sim de Maria nos revelou o rosto do pai. Entre os celebrantes, também estiveram o Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sérgio Castriani, que presidiu a solenidade no 5° dia.

“Foram oito dias de muita oração pelas famílias, pela paz no mundo e união de todos os povos, contando com a presença de fiéis vindos de outras comunidades de Manaus”, disse o vigário paroquial. Pe. Cesar que presidiu a celebração de encerramento que não podia ser diferente, contanto com momentos de muita alegria; confraternização; reconhecimento aos trabalhos das equipes dos voluntários; homenagem aos continentes, países e estados; sorteio de prêmios aos membros da assembleia; e agradecimento aos participantes. “Foi uma grande festa e, apesar do tempo de férias, todos os dias a igreja esteve sempre lotada com fiéis rezando juntos para recender a fé e reavivar a caridade e a unidade na igreja”, concluiu o padre.

Origem do Oitavário

O Oitavário da Epifania, é uma celebração que foi instituída por São Vicente Pallotti, um padre que nasceu em Roma em 1795 e tinha como ideal, criar um movimento apostólico de todos os batizados da Igreja, por isso fundou em 1835, uma comunidade de padres religiosos e leigos chamada de União do Apostolado Católico.

Com isso, o objetivo de Pallotti era celebrar a unidade da fé católica na diversidade e o Oitavário da Epifania, uma espécie de missão popular que acontecia em Roma, de 6 a 13 de janeiro de cada ano, se tornou a expressão celebrativa de seu Apostolado Católico, considerando a Epifania como a festa da vocação cristã dos povos.

IMG_0070 IMG_0062 IMG_0026 IMG_0042 IMG_0023 IMG_0071 IMG_0027 IMG_0020 IMG_0009 IMG_0006 IMG_0004 IMG_0012



Por: Érico Pena

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus



Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz